Quarta-feira, 27 de Junho de 2007

Para trocar por alguns euros...

  

Aceito encomendas de trabalhos em madeira, vidro ou cerâmica, decorados recorrendo à técnica do guardanapo.

Eis alguns exemplos ( tenho mais)

Quem estiver interessado, envie mail para paula_s_pinto@hotmail.com a fim de se combinar o modo de entrega ou facultarem o endereço para envio através dos CTT (os portes variarão consoante a dimensão da encomenda)

Obrigada

Paula

 

 

 

 

img209/3728/caixaspaularosa001rb7.jpg

 

Caixa em madeira, papel veludo na base, bondex interior; dimensões 19,5 cm x 15,5 cm x 6,5 cm ( 15 €)

 

img209/9115/caixaspaula001ci9.jpg

 

idem,  21,5 x  16,5 x 8 cm, com aspecto envelhecido (17 €)

 

img166/7490/caixaspaula002xx5.jpg

 

10 €

 

img166/2041/caixaspaula003sf6.jpg

10€

 

 

img215/2430/caixaspaula005gk4.jpg

 

35 x 21 x 10 cm  (23€)

img168/3120/caixaspaula004eh8.jpg

 

10 €

 

img206/9176/tabuleiromq2.jpg

 

23 €

img205/5325/trabalhospaula008fp1.jpg

 

telha antiga (mesma técnica)

 


Desabafos de alemvirtual às 14:27
link do post | Deixe o seu comentário | favorito
Segunda-feira, 18 de Junho de 2007

Regresso

 

Regressei à escola. Foi uma ausência prolongada, imposta pela necessidade de superar outras necessidades.

Quase nervosa, na expectativa de me integrar de novo naquele mundo barulhento e agitado, ultrapassei os portões e subi à minha sala. Estava tudo na mesma. Parecia ter saído há apenas uns instantes, contudo tinha passado mais de um mês.

Não sabia como iria reagir ao bulício, à azáfama que os jovens impõem. Imagine-se uma voz multiplicada por mil vozes, um riso multiplicado por mil bocas...correrias, pedidos de atenção, brincadeiras, quem sabe alguma zaragata...este é o mundo da gente em crescimento, das energias libertadas em cada toque de campaínha...

 

A sala foi pequena para receber tantos "miúdos".

"Que saudades", dizia uma.

"O que fez ao cabelo?", dizia outra.

"Não temos aulas, podemos ficar aqui?"

 

Esqueci, por momentos, a minha vida e vivi uma tarde diferente. Sempre foram as minhas "crianças" que me ajudaram, muito mais que eu a elas. É uma relação que se constrói, como qualquer outra e, quantas vezes, são relações para toda a vida...

 

Nunca pensei ser professora. Aliás, de todas as profissões que desejei ter, de todas as funções que me imaginei a desempenhar, ser professora nem sequer integrava a lista das possibilidades, logo, nem a última era sequer.

Pois foi o que fui, o que sou e o que desejo continuar a ser.

Pensei que não seria um "amor" fácil. Contudo, apaixonei-me à primeira vista quando os vi... 

  

 

Tudo começou quando, há muitos anos atrás, entrei num conjunto de pavilhões pré-fabricados (hoje já são modernas instalações de vidro e betão), de cor castanha...tristes e quentes. Entrei e conheci os meus alunos. Um grupo de cinco. Nenhum falava. Só um andava com ajuda. Todos comiam a comida triturada que lhes fazíamos chegar à boca com uma colher...aprendi a pôr fraldas a gente crescida...aprendi a manobrar uma cadeira de rodas...aprendi...aprendi a viver com eles uma vida diferente.

Ao início, saía para chorar onde ninguém me visse. Precisava daqueles minutos, quando não conseguia controlar a emoção. Depois, fui aprendendo a enfrentá-los sem que os meus olhos mostrassem outra coisa que não sorrisos.

Foram estes alunos que escolhi. Foi a eles que me dediquei e foi com eles que aprendi aquelas coisas que manual nenhum nos pode ensinar...só a vivência...

Hoje, não os tenho. Tenho outros. Eles vão ao fim de algum tempo. Vêm outros. Eu vou ficando cada vez mais rica, mais pessoa, à espera de nova "leva" desta riqueza humana.

É com eles que continuo a aprender, sobretudo aprendo a ser feliz com as coisas mais simples e mais ínfimas que a vida nos dá.

 

Agora, que sinto ter dado um pouco de mim, absorvido a energia vivificadora de uma imensidade de abraços, vou calçar as sapatilhas e correr por aí...

 

 

 

 

 

Optei por retirar a imagem que ilustrava este "desabafo". Por acaso, é meu hábito, neste e no outro blog, referir sempre o endereço de onde são copiadas imagens. Aqui, tal não aconteceu. Se me perguntarem porquê, não sei, não me recordo, há muitas outras coisas que me absorvem e fazem esquecer outras. Assim, opto por apagar a ilustração e apresentar um pedido de desculpa pelo facto. Foi um reparo muito justo mas poderia ter utilizado uma linguagem menos agressiva. Afinal, não pretendo roubar seja o que for, de indecente não tenho nada (creio eu) e  "falhas" todos temos. Não foi intencional.

De seguida, vou publicar o comentário de toonman, pois,  até agora, ninguém me agrediu verbalmente de forma que nunca apaguei comentários feitos por desconhecidos. O que espero se continue a verificar, pois seria extremamente desagradável acontecer o contrário.  Até, se pode dar o caso do comentário ter sido em tom de brincadeira. As palavras escritas não revelam a intenção que as motiva.

 

Toonman, as minhas desculpas e fique com Deus.

 


Desabafos de alemvirtual às 18:29
link do post | Deixe o seu comentário | ver comentários (3) | favorito
Quarta-feira, 13 de Junho de 2007

Dia de Santo António

                Hoje é feriado em Vila Nova da Barquinha, minha terra natal.

 

Santo António é o Padroeiro deste município.

 

Além das festas populares, típicas destas quadras e das vilas e aldeias portuguesas tem lugar a festividade religiosa. Celebra-se missa solene, seguida de procissão em honra do santo da nossa devoção.

Linda aos olhos de quem vê esta manifestação de fé com laivos de tradição...janelas e varandas enfeitadas com as colchas mais belas e ricas...velas e pequeninos altares...tapetes de alecrim e rosmaninho marcando o percurso...pétalas de flores atiradas sobre os andores...os fiéis rezando alto o rosário e cantando hinos de louvor...

Todos prestam homenagem ao passar da procissão. Antigamente, os homens "descobriam" a cabeça que é como quem diz, tiravam o chapéu e inclinavam-se respeitosamente. As senhoras usavam véu cobrindo os cabelos.

Hoje, estes dois acessórios entraram em desuso, mas permanecem os sinais de respeito. Mesmo

www.leme.pt/.../santoantonio/santoantonio.jpg  para quem percepciona esta manifestção de fé apenas como um ritual, mantendo a tradição, ao passar dos andores, tudo pára e todos param.

Repicam os sinos à saída e à chegada à igreja.

Lançam-se foguetes no ar, dando mais expressão de festa à festa.

Dia de Santo António...

Na noite Santo António as moças solteiras queimaram alcachofras (de manhã, se estivessem floridas, teriam a certeza do seu amor ser correspondido). Saltou-se a fogueira. Dançou-se no bailarico. Comeu-se sardinha assada em broa de milho.

A minha terra natal, é sede de um concelho de alguma riqueza arquitectónica e grande beleza paisagística. Remontando a tempos imemoriais os vestígios arqueológicos e artefactos aqui encontrados, Vila Nova da Barquinha, morreu um pouco nas últmas décadas do século XX, para renascer com maior pujança no limiar do século XXI.

Aqui, há um mundo por descobrir...e sabores deliciosos à espera...

Aqui, no coração de Portugal as lendas confundem-se com a realidade.

Venha conhecer este recanto mágico...

 

 

 i104.photobucket.com/.../almourol.gif

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


Desabafos de alemvirtual às 10:37
link do post | Deixe o seu comentário | ver comentários (3) | favorito

Pedaços de mim


Sou...

Outras almas amigas

. 10 seguidores

pesquisar

 

Março 2020

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Desabafos...

Um palmo e meio de sonhos...

A minh´alma não é mais qu...

Zita

Silêncio da noite

Uma gaiola como tantas ou...

As minhas preocupações pa...

Missa em memória da Marga...

Memórias - Margot

Mais perto do céu

Mensagem para uma noiva

Outras páginas de vida...

Março 2020

Janeiro 2014

Março 2012

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Visitantes

online

Minhas Visitas

Outros olhares-Outro mundo

SAPO Blogs

subscrever feeds